Higiene de cães

Principais dicas de higiene e que livram o animal de desconfortos e problemas. A falta de higiene traz além de uma queda na qualidade de

vida, uma grande influência a uma série doenças, em especial as doenças parasitárias através da presença dos ectoparasitas (pulgas, piolhos e carrapatos) como dos endoparasitas (verminoses intestinais) que direta ou indiretamente também provocam outras doenças.

Principais cuidados com a higiene dos cães:

1)- BANHOS E ESCOVAÇÃO: Os cães não necessitam ir para a banheira toda hora. A freqüência dos banhos depende muito das condições ambientais, da raça e da espécie em questão. No caso dos cães de pêlo curto, os banhos podem ser realizados a cada 15 dias no verão ou 30 dias no inverno. Nos de pêlo longo, em função da manutenção de um pêlo bonito, necessita-se de escovação diária por parte do proprietário do cão e semanal por um profissional especializado. Cães que vivem em apartamento ou que apresentam um contato mais íntimo com o dono necessitam de uma

freqüência maior dos banhos, principalmente pelo fato destes mesmos animais subirem em sofá ou cama.

2)- HIGIENE DOS DENTES: é necessária dependendo da pré-disposição a formação da placa bacteriana e do tártaro que o animal apresenta, sendo esta característica ligada a individualidade do mesmo.A escovação poderá ser realizada com escova e creme dental específico para animais.

3)- LIMPEZA DOS OUVIDOS: a limpeza do canal auditivo deve sempre ser

realizada com o objetivo de retirar o excesso de cera e diminuir a umidade do canal, principalmente após os banhos, onde muitas vezes a entrada de água no conduto auditivo acaba predispondo o animal às inflamações dos ouvidos.

4)- LIMPEZA DA CASA E DOS UTENSÍLIOS: a casa, os utensílios, as vasilhas de água e comida, brinquedos, cobertores devem sempre ser lavados com sabão neutro e água com o objetivo de retirar matéria orgânica (pêlos, caspas, saliva, além de urina e fezes) que podem conter nestes utensílios e que criam condições favoráveis para o crescimento de bactérias e fungos. Não é necessário a utilização de nenhum tipo de desinfetante, principalmente em função da sua toxicidade.

Opinião dos leitores · 15 Comentários

Temos 15 respostas para "Higiene de cães".
  1. daynine salerno diz:

    26 de julho de 2010 as 19:11

    olha eu presisei disso ameii tudo doque vcs me explicaram vcs estao de parabens so q eu preciso de uma coisa aminha cachorra nao gosta de escovar os dentes e ela ja esta com o dente realmente podre muitoo ruim tenho q leva la ao veterinario mas tbm preciso dar uma linpada antes do veterinario??obrigada♥

  2. charlotte diz:

    18 de setembro de 2010 as 21:14

    hummm

  3. Lívia diz:

    8 de outubro de 2010 as 23:47

    Olá gostei muito da matéria, mais gostaria de saber com quantos meses posso começar a escovar os dentes do meu filhote?
    Grata!!!

  4. impostor diz:

    11 de outubro de 2010 as 4:16

    muito bom gostei foi muito bom

  5. impostor diz:

    11 de outubro de 2010 as 4:21

    TINHA QUE TER MAIS COISAS POR QUE SEMPRE BOM APRENDER PARA Ñ TER QUE DAR MINHA CACHORRINHA PARA QUALQUER UM CORTAR UNHAS E OUTRAS COISAS MAIS

  6. LUCIANA HAAS PILALIS diz:

    17 de outubro de 2010 as 0:15

    TENHO UM CHOW-CHOW DE 2 ANOS,20kl GOSTARIA DE SABER COMO FAZER A HIGIENIZAÇÃO DELE EM CASA PARA POUPA-LO DO EXTRESSE DE LEVA-LO TANTO A PET,POIS APESAR DE SER SUPER DÓCIL SEU TAMANHO ASSUSTA E A FAMA DE SUA RAÇA TAMBEM,EU AMO ELE E QUERO O MELHOR PARA ELE,PODEM NOS AJUDAR.

  7. Gisele diz:

    3 de março de 2011 as 18:09

    gostaria de saber sobre doenças no pelo de cachorros…minha cachorrinha apresenta uns carocinhos no pelo e logo depois apresenta escamação neste mesmo local…não tem coceira…e os veterinários ja identificaram como fungos…como eu faço para acabar com isso….bgd

  8. Regina diz:

    18 de abril de 2011 as 21:55

    Minha cachorrinha ela tem 2 meses e meio apareceu uns carocinhos nela e ela so vive se cosando fica bom num canto e aparece em outro o q será! tõ muito preocupada..beijos

  9. Ana Paula P. Dornelas diz:

    25 de agosto de 2011 as 10:12

    Oi eu tenho uma pintcher preta é muito linda..mas ultimamente com esse tempo seco aqui em Jaboticabal ela começou a espirar,com uma ronquidão,com mal cheiro na garganta; mas se alimenta bem,brinca com minha filha(adora correr),não vê a hora que meu marido chega para passear na praça; de um dia para o outro tá moadinha mas é muito carinhosa quando chamo o que eu faço…..Ah! e hoje dia 25 fez coco mole……

  10. joão p. diz:

    3 de outubro de 2011 as 0:13

    amo minha cadela july ela é muito fofa e eu dou banho nela corretamente mas os dentes dela não são muito saudaveis :( e também gostaria de saber como deixar ela sem medo de tomar banho :) ???

  11. Claudia diz:

    19 de janeiro de 2012 as 22:06

    olá,
    Amei seu post, tenho uma duvida
    como fazer a higiene diaria apos a caminha
    são 3 lhasa apso, e amam ficar em cima da cama sofá etc…
    Obrigada.

  12. Andreia diz:

    13 de março de 2012 as 11:07

    Ola, tenho uma basset hound ela tem muito mau cheiro nas orelhas gostaria de saberse tem alguma solução para tal, grata.

  13. gisele rosa diz:

    8 de julho de 2012 as 15:24

    ola gostaria de saber porque o meu pintcher solta uma secreção meia amarela no pipi ,limpo ele com paninho umido mais demora um pouco la esta aquele negocio estranho ..o que FAZER?tenho que dar algum remedio pra ele ….espero sua resposta obrigada..

  14. JUDITE MARQUES diz:

    7 de janeiro de 2013 as 11:01

    tenho uma cachorra yorkshireterrier com 3 meses gostaria que me desse umas dicas como ensina-la a ser limpa, mto obrigado

  15. cainã diz:

    23 de dezembro de 2013 as 15:27

    Gostei da materia, agradeço, ganhei um partor alemão femea de 1 e 1/2 , carinhosa, e dócil. Pergunto se tenho que adestra-la para pelo parecer ser um cão de guarda?

  • RSS
  • Facebook
  • Orkut
  • Twitter